Os eleitores é que permitem este fartar de vilanagem

Os eleitores é que permitem este fartar de vilanagem