Votem no PS… depois chorem…