A esquerda quer fazer de Portugal a Venezuela da Europa