Mário Soares, o aperta-o-cinto