ATENTE-SE NO COMENTÁRIO DE JOSÉ GOMES FERREIRA: “ESTA CARTA (DE BRUXELAS), NÃO...